Logo Instituto Barrichello Kanaan
Página inicial > Lista de notícias > 12 de outubro - Dia Nacional da Leitura – Ler é hábito na sua vida?
12/10/2015

12 de outubro - Dia Nacional da Leitura – Ler é hábito na sua vida?

“A leitura é para o intelecto o que o exercício é para o corpo” autor: Joseph Addison (dramaturgo, poeta e político 1672 a 1719)

“A leitura é para o intelecto o que o exercício é para o corpo” autor: Joseph Addison (dramaturgo, poeta e político 1672 a 1719)


É com esta célebre frase que começamos nosso artigo em comemoração ao Dia Nacional da Leitura, 12 de outubro. Mesmo dita no século XVII, ela reflete até os dias atuais sobre a importância de alimentar a mente, seja com novos conhecimentos ou com puros momentos de lazer e reflexão.


Entretanto, o hábito de sentar em uma cadeira confortável e se deliciar com aventuras, suspenses, romances e ficção, escritos e vivenciados nos livros, está cada vez mais raro. Um estudo da Fecomércio-RJ aponta que 70% dos brasileiros não leram nem sequer um livro em 2014, então fica a pergunta, será que os pais sabem da importância de incentivar o hábito da leitura para seus filhos?


Além de proporcionar novos conhecimentos culturais, o costume de ler ajuda a melhorar a escrita, a percepção, o senso crítico, e para as crianças, o despertar da criatividade e do mundo da imaginação, colaborando para a sua formação intelectual e cognitiva.


A tecnologia avançada, neste caso, facilita muito o contato com o universo da fantasia e da leitura. Como crianças e jovens, em números cada vez mais crescentes, gastam seu tempo em smartphones e tablets, uma boa opção são os ebooks.


Aplicativos para tablets e smartphones já existem e facilitam muito a vida dos usuários da internet e essa pode ser a solução para a praticidade dos novos tempos. O mais importante não é o meio pelo qual estão lendo, mas sim, não deixar de ler.


 Importância do incentivo à leitura


Este tema deve ser reforçado diariamente dentro e fora de casa. Hoje, em virtude da correria do dia a dia, muitos pais não encontram tempo para incentivar o hábito da leitura de seus filhos. Entretanto, é preciso sim fazer alguns esforços, desde quando ainda são bebês, lendo histórias e despertando a curiosidade dos pequenos.


 “A leitura deve ter para a criança a mesma importância que o esporte, ou seja, momentos de diversão, onde o lúdico é inserido de forma espontânea e o aprendizado acontece gradualmente, sendo algumas das bases para o desenvolvimento cognitivo, motor e intelectual, que serão levados e adotados na vida adulta”, afirma William Fernando Boudakian de Oliveira, gerente de projetos do IBK.


A escola também tem papel imprescindível neste processo. Os educadores são peça fundamental no desenvolvimento das crianças e exercem sim um grande poder influenciador sobre eles. Por isso, muitas escolas e universidades já adotam o hábito de recomendar um livro por semestre para os alunos lerem e fazerem trabalhos, resumos ou até mesmo peças de teatro relacionadas ao assunto.


 Por que crianças e jovens têm deixado os livros de lado?


O que ainda é muito preocupante é o fato de que as bibliotecas espalhadas pela cidade ficam completamente vazias. Apenas uma em cada quatro pessoas frequenta uma biblioteca.


Grande parte disso se dá pela facilidade que a internet e a TV oferecem. Muitos chegam a pensar: Por que gastar tempo lendo um livro de 300 páginas, se na internet eu encontro o resumo?  Ou até mesmo o seguinte: Por que ler um livro se vou assistir o filme do mesmo ou ainda por que ler uma notícia completa se a TV me oferece o mesmo conteúdo de forma resumida?


Se pararmos para analisar, hoje, muitos pontos negativos existem para desviar a atenção de todos. Mas, se a prática começa dentro de casa, o hábito da leitura é mantido por muitos anos.


Ler: prazer ou obrigação?


A leitura deve ser por prazer. O hábito é criado através de uma rotina prazerosa. Obrigar as crianças a lerem, sem estimulá-las e mostrá-las sobre o porquê da leitura ser divertida é um grande erro, pois pode despertar traumas na criança.


A escola incentiva, mas na maioria das vezes, impõe. Então, confira algumas dicas de como mostrar para o seu filho que ler pode ser tão divertido quanto uma partida de vídeo-game:


1)      Leia livros para os seus filhos desde bebês;


2)      Deixe seu filho ver que você está lendo, que aprecia um bom livro, conte histórias que você já leu, mostre a empolgação em discorrer sobre a trama e descobrir o final;


3)      Leve-o à livraria, deixe-o que escolha um título para sua leitura;


4)      Brinque com ele de contar e escrever suas próprias histórias. Ele pode até escrever e ilustrar o seu próprio livro, que depois pode ser impresso e ser mostrado com orgulho para amiguinhos e familiares;


5)      Ofereça assuntos que eles se identifiquem, se gostam de dinossauros, compre um livro sobre o tema, se a preferência são contos de fada, a mesma coisa;


E para finalizar este artigo, mais um ilustre pensamento “Nave melhor do que um livro, para viajar longe, não há” (Emily Dickinson 1830-1886).

Mais Noticias